Quais são as principais competências que um Coach deve ter?

 

Coaching

Perfil do Coach

1. COMPETÊNCIAS-CHAVE

Ressaltamos abaixo algumas das principais competências que o Coach deve possuir e demonstrar, entre outras:

Competências de Relacionamento interpessoal:

  • O Coach é alguém que gosta de estar, trabalhar e lidar com pessoas, pelo que habilidades de relacionamento interpessoal mostram-se fundamentais

Saber lidar com as emoções do cliente:

  • Possuir equilíbrio emocional e saber lidar com as emoções do cliente, com tato, respeito e isenção (sem se deixar dominar ou afetar pelas emoções do cliente) é igualmente fundamental

Flexibilidade:

  • É necessário também capacidade de aceitar e explorar perspectivas diferentes das suas, assim como de utilizar variadas ferramentas para trabalhar com o seu cliente, sempre com o intuito de o poder ajudar de forma mais eficaz e adaptada às suas necessidades

Capacidade de estabelecer um contexto de confiança e sintonia:

  • É de suma importância que o Coach seja capaz de estabelecer sintonia com o seu cliente, mantendo uma relação assente na confiança e respeito mútuo
  • Implica criar um ambiente favorável a que o Coachee possa expor, de forma aberta, as suas questões

Competências efetivas de Escuta Ativa:

  • Ficar focado no cliente e não nos seus próprios pensamentos (“silêncio interno”)
  • Identificar e compreender as preocupações, objetivos, crenças e valores do cliente, demonstrando um interesse genuíno pelo cliente
  • Cultivar a mente a aberta

Saber formular Perguntas oportunas – o Coach não pressupõe que sabe o que o cliente pensa e como pensa: não pressupõe as estratégias de pensamento e ação do Coachee, antes coloca-lhe questões assertivas que:

  • O impulsionam a refletir e à tomada de consciencia
  • Ampliam a sua percepção do mundo
  • Ajudam a clarificar os seus pensamentos, objetivos e necessidades
  • Levam-no à descoberta do seu potencial, partindo para a ação e superando obstáculos

Saber dar Feedback – através do feedback oportuno e específico, o Coach determina o comprometimento e a evolução do cliente, ao mesmo tempo que lhe fornece dados que o ajudam a melhorar o seu desempenho, sempre tendo em vista a obtenção dos objetivos pré-definidos

Estimular para o estabelecimento de Metas e Plano de Ações – o Coach estimula o seu cliente a estabelecer metas e objetivos adequadamente, apoiando-o na construção e implementação de um plano de ações exequível:

  • Ajuda o Coachee a estabelecer objetivos específicos, mensuráveis, realistas, definidos no tempo e alinhados com os seus valores
  • Acompanha e monitoriza a evolução da implementação do plano de ações, incentivando o Coachee, sempre que necessário, a reformular ajustes
  • Ajuda o Coachee a conscencializar-se da sua evolução e aprendizagens que vai somando ao longo do seu processo

2. FORMAÇÃO EM COACHING

É importante que o Coach possua formação em programas específicos de certificação e qualificação como Coach

3. EXPERIÊNCIA EM COACHING

  • É na prática que o Coach se faz e aprimora. Experiência na condução de processos de Coaching (remunerados ou pro bono) é fundamental. Idealmente, o próprio Coach deve ter passado ele mesmo por um processo de Coaching
  • No Coaching Executivo é importante também ter uma vivência no ambiente organizacional, uma vez que tal pode ajudar o Coach a entender melhor o contexto do cliente (mas sempre sem opinar, julgar ou interferir)

4. VALORES

Destacamos alguns valores importantíssimos na atuação profissional em Coaching:

  • Ética e Integridade – são princípios sempre presentes na atuação do Coach
  • Respeito e interesse pelo ser humano – um interesse genuíno e um respeito profundo pelo ser humano, visto com todas as suas potencialidades; o Coach precisa de ter um real interesse e curiosidade pelo cliente e a sua questão ou motivo pelo qual está a recorrer ao Coaching, o que implica não opinar ou interferir com sugestões pessoais (cabe ao Coachee encontrar os seus caminhos, fazer as suas escolhas e tomar as suas próprias decisões) – o interesse que prevalece para o Coach é sempre o do seu cliente
  • Coerência – é fundamental que haja uma coerência entre aquilo que o Coach diz acreditar e defender enquanto profissional e aquilo que ele demonstra na sua prática profissional. Os valores não são conceitos vazios, antes pelo contrário, ganham corpo e evidenciam-se na atuação e conduta de uma pessoa

 

© SPCP todos os direitos reservados